História da música “Gostava Tanto de Você”

Existem muitos boatos sobre a real história dessa música!! Ela foi comporta por Edson Trindade e eternizada na voz de Tim Maia, em 1973. Existe a hipótese de que Edson escreveu a música ” Gostava Tanto de Você” para sua falecida filha, que aos 15 anos morreu em um acidente de carro e a outra é que escreveu para o amor de sua vida.

Mas qual será a verdadeira história dessa música?

Apesar de ter sido gravada apenas em 1973, a canção foi feita no final da década de 50, quando Edson Trindade tinha somente 16 anos e não era pai. Nesta época, ele era integrante da banda The Sputniks, formada por Roberto Carlos, Tim Maia,  Arlênio Lívio e Wellington Oliveira. Depois da saída de Tim e Roberto Carlos, a banda mudou de nome e passou a se chamar The Snakes. Trindade convidou Erasmo Carlos e José Roberto China

Erasmo Carlos na sua autobiografia, “Minha Fama de Mau”, conta que, certo dia, Trindade chegou triste ao ensaio da banda, dizendo que havia terminado o namoro com Meire. Vestia um sobretudo com a gola alta, mãos no bolso e um chapéu com aba dobrada para baixo, enterrado na testa. E disse aos amigos:

“Vim me despedir de vocês. A Meire terminou comigo e vou me suicidar. Vou me jogar do cais da Praça XV. Vou encher meus bolsos de pedras e me jogar”.

Nenhum deles deu muita bola para aquela ameaça.  Só que ele sumiu por dois dias e os companheiros ficaram preocupados. Será que ele havia cumprido a promessa. Na noite do segundo dia, Trindade reapareceu todo sorridente e contou que havia reatado com a namorada.  Semanas depois, ele apareceu feliz da vida com a música “Gostava Tanto de Você”, escrita numa folha de embrulhar pão. No livro, Erasmo escreveu:

“Sempre que ouço Gostava Tanto de Você, penso: “Será que ele fez essa música para a Meire?”

A resposta é sim, afirma a nora Hérika Trindade. O nome correto da namorada era Mari e os dois se casaram. Mari e Trindade tiveram quatro filhos: Eduardo (afilhado de Tim Maia), Evandro, Ana Gabriela e Cláudia.

Compartilhe com seus amigos!